Tecnologia brasileira de simulação anatômica é destaque em congresso médico nos Estados Unidos

Plataforma desenvolvida pela startup Csanmek substitui o uso cadáveres e o sacrifício animal em cursos de medicina e veterinária




O simulador 3D de anatomia da startup brasileira Csanmek, que substitui o uso de cadáveres em cursos de medicina e veterinária, é uma das principais atrações do Congresso Internacional de Simulação Médica (IMSH – Society for Simulation in Healthcare), que aconteceu em Los Angeles (EUA) entre dos dias 13 e 17 deste mês.

A tecnologia brasileira chega ao mercado norte-americano pela parceria com a empresa Syndaver Labs, que pretende levar o simulador 3D da Csanmek para instituições de ensino superior nos Estados Unidos e México e integrar a plataforma com o cadáver sintético desenvolvido pela companhia, a fim de oferecer aos futuros médicos uma experiência real em aulas de anatomia.


O processo de internacionalização da Csanmek teve inicio a cerca de 12 meses e as vendas no exterior atingiram cerca de R$ 2,5 milhões em 2017. A tecnologia brasileira está presente em universidades peruanas, mexicanas e norte-americanas, além de integrar o sistema de ensino médico em cerca de 30 instituições nacionais.


A plataforma da Csanmek funciona como uma mesa que exibe modelos tridimensionais altamente detalhados e anatomicamente corretos de todos os sistemas do corpo humano para treinamento de cirurgias virtuais.


A rápida internacionalização da Csanmek se deu, sobretudo, pelo fato da tecnologia substituir o uso de cadáveres em aulas de anatomia, à medida que segue a tendência mundial de trocar corpos humanos por plataformas digitais de dissecação virtual em cursos de medicina e veterinária.



Escritório -  Avenida Paulista,1439 – Cj 12 – sala 7 Bairro Bela Vista – Cep: 01311-200

Show Room - Rua Bernardo Magalhães, 54 - Tatuapé - São Paulo - Cep: 03067-060

Tel: 55 (11) 2589-4054 / (11) 2589-4371

contatos@csanmek.com / csantana@csanmek.com /

  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon